tudo-que-vem-coracao

A Universidade do Papel nasceu com a missão de transformar e conectar pessoas. Por isso, vem desenvolvendo projetos sociais com comunidades carentes para levar uma nova maneira de enxergar o mundo a quem nunca teve contato com obras artísticas.

Os participantes fazem uma imersão na técnica e vida de artistas do papel, onde aprendem a se expressar em uma linguagem que vai além das palavras, lidando com as emoções e transformando o que sentem em arte.

Projeto Paraisópolis

A Universidade do Papel desenvolveu na Comunidade de Paraisópolis um trabalho de inclusão social com crianças e jovens da região. Em 2016, foram criadas Oficinas Profissionalizantes na própria comunidade para mostrar que a atividade artística pode ser um caminho a ser seguido como carreira profissional. Hoje já são realizadas oficinas com atividades artísticas no Galpão da Universidade do Papel com a colaboração de uma equipe de voluntários que ajuda na monitoria e no desenvolvimento da vivência.

Coração Alerta

A campanha do Coração Alerta tem como objetivo conscientizar as pessoas para os cuidados a serem tomados na prevenção do infarto. O artista Enrique Rodríguez participa desta campanha na condição de quem viveu a experiência de um infarto e suas consequências. Para isso e através de sua arte ele também contribui para levar ao maior número e pessoas a importância da precaução e dos exames de rotina.

Confira os Vídeos da Campanha:

Depoimento – Enrique Rodríguez

Assistir

Tempo É Músculo – Ep. 4

Assistir

coracao-alerta

Hogar de Cristo – Santiago, CH

O Hogar de Cristo (Lar de Cristo) é uma instituição de beneficência pública chilena, criada pelo sacerdote jesuíta Santo Alberto Hurtado, em 19 de outubro de 1944, quem fora declarado santo em 2005 pelo Papa Bento XVI. Atualmente, a Fundação atende mensalmente a mais de 25 mil pessoas em pobreza extrema nas mais de 500 obras que tem no país todo. Em Outubro de 2016 a Universidade do Papel realizou diversas vivências artísticas na instituição, com a presença do artista Enrique Rodríguez.